A quem se destina

  Escolhendo seu kit

  Antes de começar

  Montando a cabine

  Cockpit em 8 passos

  Os Canopies

  Fazendo Canopis

  Re-Scribbing

  Rebites

  Estais

  Metal Fatigado

  Shading

  Giz Pastel

  Wash

  Envelhecimento

  Em Andamento...

  Especiais

  Walk-Arounds

  Downloads

  Referências

  Sites de Aviões

  Outros Sites

 <<Voltar
Revell Martin B57B Canberra 1/72

DECAIS (PARTE 1):

Paralelamente ao trabalho de construção, os decais foram desenhados no CorelDraw¬© baseado na versão pretendida para esta montagem: Apoio cerrado noturno...


Na verdade, a USAF não ficou satisfeita com o desempenho do Canberra como bombardeiro noturno. Segundo especialistas, nesta função o avião tentava exercer algo a qual não foi projetado: o sistema de aquisição de alvos era inadequado, a escala navegacional era demasiada curta e a navegação de rádio não permitia recuperar os aviões caso fossem abatidos. De quebra, o armamento era inadequado (cabides com bombas e foguetes). Entretanto, estatisticamente, obteve bons resultados neste quesito e mesmo com a pintura negra por baixo, foi usado de dia (posteriormente, a pintura inferior passou a ser cinza).


Por questões de logística, a impressão dos decais foi terceirizada e valeu muito à pena (Obrigado Marcos Borges!).


O esquema de cores (FS) usado para a pintura externa será conforme abaixo:


Como são dois modelos que estou montando, devo igualar ambos aos progressos atuais, visando chegar à etapa de pintura interna com ambos os trabalhos nivelados. Confeccionei a segunda estrutura interna do habitáculo do porta-bombas...


...Seguido da caixa de rodas dianteira para o segundo modelo...


Agora uma dica interessante: Outro dia precisei trocar o pneu do meu carro e o borracheiro tinha umas pecinhas de metal para balanceamento das rodas. São de ferro (Fe) e possuem um adesivo dupla face autocolante, possibilitando unir mais de um com facilidade. Com toda essa "polêmica" sobre chumbo reagir com isocianoacrilato (Bonder), consegui gratuitamente algumas e parti para o balanceamento dos modelos...


Localizei o centro de gravidade do modelo, uni 03 unidades destes "balancins" e colei com "Bonder" no lugar (este procedimento é necessário para que o plastimodelista não tenha a ingrata surpresa de ter um modelo que "insista" em manter o nariz erguido ao final da montagem)...




O isocianoacrilato após seco cria uma camada que pode se quebrar se sofrer alguma torção ou tombo, por isso, é recomendado aplicar um pouco de cola branca para criar uma "almofada" envolvendo a peça metálica...


CONTINUA NA PRÓXIMA ETAPA...

Texto e Fotos:

Eventos | Fórum | Eu Quero! | Mercado de Pulgas | Galeria
Variedades | Como Construir | Dicas | Ferramentas
Lojas no Brasil | Administrativo | Livros | Links

Melhor visualizado em resolução 1366 x 768